Buscar
  • capriconecta

Você tem que conhecer: Théo Alexandre

“O jeans, com toda a sua trajetória, me parece ser uma matéria-prima de possibilidade criativa inesgotável. Ele me abriu portas e trouxe visibilidade como criador autoral. Para mim, continua sendo a matéria-prima mais plural e eclética que a moda já produziu. Ele transpõe barreiras de cultura e classe social” - Théo Alexandre


“Goiano do pé rachado”, natural de Goiânia, Théo Alexandre é o criador e criativo da Thear, a primeira marca do Centro-Oeste a entrar no line-up oficial da Casa de Criadores. Hoje, Théo faz parte da Casa e do line-up oficial evento, sendo o primeiro estilista goiano selecionado a participar do desfile. Ele atua no mercado de confecção desde 2001, com expertise em produtos de moda para atacado. Trabalhou na Amari Lingerie e, também no posto de designer de moda, há sete anos faz parte da Zênite Moda Maior. Desde 2015 pesquisa sobre sustentabilidade e construção de moda com impactos positivos. Uma das principais características do seu trabalho autoral é o design de superfície.

Graduado em Design de Moda pela Universidade Federal de Goiás, tem duas pós-graduações em moda, pela Universidade Estadual de Goiás (UEG) e pelo SENAI. Hoje também é docente no curso de Design de Moda na UEG, em Jaraguá.

Além de tudo isso, é um dos convidados da Capri pra desenvolver uma jaqueta exclusiva com o tema Jeans do Brasil, com nosso tecido Algarve, o original Denim 100% algodão.

Entrevistamos Théo para conhecer sua história, a relação entre suas criações e a região do Brasil que representa, uma prévia da sua jaqueta Capri e muito mais. Confira:



Como começou sua história com a moda?

Théo Alexandre: Na minha adolescência, comecei a trabalhar com artesanato, em uma pequena fábrica familiar que produzia arranjos de cabelo infantil. Foi nesse momento que comecei a entender e definir minha estética e trabalhar com habilidades manuais. Claro que, na infância, tiveram todos aqueles clichês de fazer roupinhas de bonecas, fazer looks com a toalha de banho. Acho que nesse percurso a gente experimenta muito.

“Desde cedo percebi minhas inclinações com a estética, com a moda de um modo geral”

Como você relaciona a sua cultura e a cultura da sua região com as peças que idealiza?

“Sou Goianiense raiz. Estamos em processo de compreensão de quais são nossas identidades o que nos representa, sobre quais são as nossas expertises”



No meu trabalho autoral, faço sempre esse exercício de olhar para dentro, de transpor minhas características regionais. Tento mostrar uma leitura atual sobre nossa iconografia.

“No meu repertório, um processo muito importante é o olhar sobre os trabalhos manuais, sobre a riqueza do design de superfície”

Quais foram os trabalhos mais importantes da sua carreira?

Théo Alexandre: Concurso da Lycra Future Designers, realizado em 2011, onde consegui o 3º lugar na categoria Swimwear. E o Desfile da Casa de Criadores em novembro de 2019, no Projeto Lab.

Hoje em dia, qual é a relevância do jeans?

“O jeans, com toda a sua trajetória, me parece ser uma matéria-prima de possibilidade criativa inesgotável. Ele me abriu portas e trouxe visibilidade como criador autoral. Para mim, continua sendo a matéria-prima mais plural e eclética que a moda já produziu. Ele transpõe barreiras de cultura e classe social”

Quais as peças jeans que você mais gosta de trabalhar?

Théo Alexandre: Vestidos. Acho que é a peça menos explorada dentro do processo criativo.



Como você acredita que podemos trazer mais verdade pro mundo através do Denim?

Théo Alexandre: Tenho certeza que principalmente com as questões de sustentabilidade, impactos ambientais. O jeans possui muitos aspectos positivos, mas em contrapartida temos uma quantidade enorme de aspectos negativos nos produtos que beneficiam a matéria-prima.

“Rastrear a cadeia produtiva se faz muito importante. Acho que a grande importância é aquecer a produção nacional”

Uma dica pra quem quer se inserir no mercado da moda.

Théo Alexandre: A moda é um reflexo do nosso tempo. Não podemos negar esse momento que vivemos com a pandemia, em que os valores e as relações de produto e consumidor mudaram muito. Acredito que o ouvir - ouvir seu cliente, ouvir as demandas - é uma ferramenta muito importante para garantir o sucesso.

“Manter a transparência, pesquisar e saber a origem são valores de grande relevância para o futuro da moda. Mantenha diálogos diretos com o consumidor”

Podemos ter um sneak peek da sua Jaqueta Capri?

Théo Alexandre: Criar em meio a uma pandemia é refletir sobre os processos do fazer, das relações de consumo e sobre as relações entre nós, seres humanos, e nosso planeta.

“Foi então que veio a ideia de trabalhar com design de superfície em cima de uma base já existente. Criar uma peça com processos bem caseiros e artesanais, sem fazer grandes movimentos de beneficiamentos no jeans. Os beneficiamentos simples que mantiveram as características principais do jeans (cor e textura)”



Cortamos todo o tecido em tiras para que pudéssemos, a partir daí, testar possibilidades de design de superfície. Utilizamos todos os resíduos, inclusive as linhas usadas em todos os bordados foram retiradas do próprio tecido.


“O principal exercício foi o da experimentação. Dialogar com a matéria-prima, entender e explorar novos caminhos. A jaqueta usada como base era uma peça vintage, cheia de histórias e memória afetiva. Ressignificar foi um exercício muito precioso”


Criamos um bordado com a silhueta de um boi, muitos movimentos de franjas feitas de tiras de Denim para representar a nossa agropecuária, que é uma das atividades de maior relevância econômica para nosso estado. Tudo ornamentado com muitos exercícios de design de superfície e criação de tramas, que contextualizam nossas histórias.

“Construir através da desconstrução possui muitos significados. Meu trabalho como estilista autoral é traduzir possibilidades criativas através da nossa identidade. Dialogar com o regionalismo. Criar um produto global respeitando o local”

Acompanhe Théo nas redes sociais: @TheoAlexandre

Siga também a Thear, para ficar por dentro de todas as novidades: @ThearVestuario

“Thear é uma marca de moda com matéria-prima orgânica, 100% algodão, feita para humanos. A produção é com muito afeto e com processos responsáveis”

#ModaConsciente é “bom demais da conta!”


Mais sobre Théo:


53 visualizações

AV. ANGÉLICA, 2582 . 11º ANDAR . SÃO PAULO, BRASIL 
© 2023 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS por GIZ BRAND STUDIO